2005-03-01

O Código Da Vinci na RTP1

A controvérsia em redor de O Código Da Vinci continua acesa e a RTP1 decidiu dedicar-lhe todo o serão de ontem, com um debate e um documentário sobre o tema. O documentário foi esclarecedor e uma boa síntese da questão de Jesus e Maria Madalena. Já o debate que se seguiu, com Carreira das Neves, Anselmo Borges, Helena Barbas e João César das Neves, foi menos objectivo. Todos os quatro participantes disseram o mesmo e falaram a uma só voz contra «os perigos» do romance de Dan Brown - excepção feita a uma nesga de controvérsia a respeito do estatuto da mulher no seio da Igreja Católica. Mesmo assim, sobreviveram algumas ideias importantes: Borges criticou a misoginia da Igreja e Helena Barbas falou doutamente sobre a erradicação sistemática do Feminino dos textos sagrados.

3 comentários:

speak_easy disse...

Só vi a parte do documentário, não vi o debate devido às horas (que como a TV portuguesa nos habituou as coisas de qualidade passam a horas impróprias), e achei muito interessante principalmente depois de ter lido o livro.

Afonso Henriques disse...

Tenho um post hoje, 2 de Março, sobre o assunto....

Flávio disse...

Nem mais, Speak Easy! O melhor e mais surpreendente momento do documentário foi a entrevista do Umberto Eco: depois de ler os seus Passeios, não o imaginava assim tão corrosivo. Afonso Henriques, já li o teu post, que está excelente.